A FAT entra na luta contra Aedes Aegypti

A comunidade acadêmica da FAT vai entrar na campanha nacional de combate ao mosquito transmissor do Zika vírus, da Dengue e da Chikungunya. Amanhã (19), centenas de alunos dos diversos cursos da faculdade vão participar de ações de orientação à população. Entre as atividades, está prevista a distribuição de panfletos nas feiras do Tomba, Cidade Nova e no Centro de Abastecimento. A coordenadora dos cursos de Jornalismo e Publicidade, Marly Caldas, vai à rádios falar sobre o assunto.  

A FAT se une à rede que o Ministério da Educação está montando para mobilizar cerca de 60 milhões de estudantes, profissionais da Educação e professores em todo País. “Se fizermos de cada sala de aula um espaço de informação e conscientização, a gente vai ter um exército poderoso, cada um vai falar para seus parentes, seus vizinhos”, afirmou o Ministro Aloízio Mercadante.

 

Saiba mais como ajudar a acabar com os focos do mosquito e evitar as doenças que ele transmite em http://zikazero.mec.gov.br/

Compartilhe