As inscrições para o ProUni prosseguem até 16 de junho

06

As inscrições para o ProUni prosseguem até 16 de junho. Os estudantes concorrem a 47.059 bolsas, oferecidas por 834 instituições. São 35.162 bolsas integrais e 11.897 parciais (50% da mensalidade). Somando as suas três seleções, o ProUni já ofereceu 250 mil bolsas de estudos a estudantes de baixa renda. Podem concorrer às bolsas os estudantes que fizeram todo o ensino médio em escolas públicas, os que cursaram em escolas particulares com bolsas integrais e os professores das redes públicas sem curso de graduação. Os candidatos devem, ainda, atender a dois requisitos: ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2005 e ter obtido nota mínima de 45 pontos. Outro critério é ter renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio (R$ 525,00), para concorrer à bolsa integral, e de até três salários mínimos por pessoa da família (R$ 1.050,00), para concorrer à bolsa parcial. O ministro da Educação, Fernando Haddad, pediu aos jovens que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), mas não querem fazer um curso superior, que não façam a inscrição no ProUni. “A inscrição de alunos que fizeram o Enem, mas não desejam uma bolsa, atrasa a entrada e o semestre letivo dos candidatos a uma vaga no programa”, explicou. Transferências – Questionado na coletiva à imprensa sobre a transferência de alunos do ProUni, o ministro lembrou que o MEC já contabilizou 15 mil transferências de estudantes de um curso para outro ou entre instituições diferentes. “Temos conhecimento de que 34 alunos estão com dificuldades para fazer a transferência, um número muito inferior aos 15 mil. Mas nós vamos ajudar cada caso”, declarou. História - Criado no final de 2004, o ProUni já realizou três processos seletivos – incluindo o que começa hoje – e ofereceu 250 mil bolsas de estudos a estudantes de baixa renda. Esta é a primeira vez que o MEC abre as inscrições do ProUni no segundo semestre. Em 2005, aderiram ao programa 1.142 instituições de ensino superior (IES) que ofereceram 112.275 bolsas de estudos. No primeiro semestre de 2006, a adesão das IES subiu para 1.233 com a oferta de 91.609 bolsas de estudo.

Compartilhe